• Banner 728 x 90

Halloween Horror Nights: medo e terror no Universal Studios Hollywood

Sempre tive muita vontade de participar de um dos eventos de Halloween dos grandes parques temáticos americanos. Tanto que estamos planejando uma viagem a Orlando em Outubro de 2017 para concretizar esse desejo. Porém, em uma recente passagem rápida por Los Angeles, aproveitamos a época de Halloween e visitamos o Universal Studios Hollywood para participar do Halloween Horror Nights.

Halloween Horror Nights

E já aviso logo, se você espera participar de uma festa a fantasia, brincar de trick-or-treat (doces ou travessuras) ou desenhar caras em abóboras, o Halloween Horror Nights não é para você. Aqui é terror escancarado. Literalmente os monstros de seus pesadelos e dos mais famosos filmes de terror pularão para o mundo real e irão fazer de tudo para que você não tenha um minuto de paz e tranquilidade. E eles são muito bons nisso.

Halloween maze Universal Studios

O evento ocorre anualmente em todos os parques da Universal Studios, só variando a data de início e fim. Em 2016, no Universal Studios Hollywood, a noite inicial foi em 11 de setembro e a final em 5 de novembro. O horário de início é sempre às 19 horas e o de término às 2 da manhã, sendo que você pode chegar duas horas antes do início para usufruir das atrações regulares do parque. Apesar de algumas delas funcionarem durante as Horror Nights, uma parte delas fecha. Então, chegando 2 horas mais cedo dá para tentar aproveitar alguma coisa a mais. Isso comprando o tíquete básico, pois também há uma opção de pagar um pouco mais e entrar a partir das 2 da tarde.

Quanto aos preços dos ingressos, bem, eles variam bastante. O Universal Studios tem como política de preços cobrar mais nos dias em que espera-se parques mais cheios. Então o dia escolhido faz toda a diferença. Num dia mais tranquilo é possível achar tíquetes de 74 dólares. Num dia mais cheio, o valor sobe para 89. Há também um combo que dá direito a entrar no parque a partir das 2 da tarde para poder curtir as atrações normais antes do Halloween. Seu preço costuma varia entre 104 e 124 dólares. Agora, se você quer ter certeza de que vai ter tempo de curtir todas as atrações, talvez valha a pena comprar o ingresso “Front Line Ticket”, que lhe dará direito a furar todas as filas. E olha que elas são enormes. Nas atrações mais concorridas eu cheguei a ficar mais de 1 hora e meia na fila. Só que esse privilégio não é barato. O preço dele é o mesmo para qualquer dia e custa nada menos que 209 dólares. Se quiser o fura-fila e ainda poder entrar as 2 da tarde, pagará 259 dólares. Para conferir os preços no dia que deseja ir, basta clicar aqui.

A noite de Halloween

Agora chega de blá blá blá. Chegou a hora de girar o pescoço 360 graus, ligar a motosserra e começar a gritaria. Às 19 horas em ponto, a noite já imperando, a avenida central do parque é aberta e uma horda de assassinos, zumbis, serial killers, palhaços e o que mais habita seus piores pesadelos estão soltos a sua caça. E quanto mais você demonstrar que está com medo, mais eles virão atrás de você. A Amanda que o diga. Eu me diverti demais vendo os sustos que ela tomava. Não que eu seja durão e não tenha tomado também. Longe disso. Mas ela foi nível hard.

E não estou exagerando. Na página do evento, traduzindo livremente para o português, olha como eles definem o Halloween Horror Nights: “prepare-se para o evento mais assustador, mais intenso do sudoeste da Califórnia, criado pelas mentes mais doentias e transtornadas do mundo dos filmes de terror, aquelas mesmas que inventaram o gênero de filme de terror”. Tirem suas próprias conclusões.

Além das áreas do parque onde os assustadores ficarão no seu pé, o parque conta esse ano com 7 Mazes. Cada um com o tema de um filme de terror diferente: American Horror Story, The ExorcistHalloween – Hell Comes to Haddonfield, Freddy vs Jason, The Texas Chainsaw Massacre (conhecido aqui como o massacre da serra elétrica), Krampus e The Walking Dead.

American Horror Story

Mas que diabos é um Maze?

A melhor tradução para Maze nessa caso é Labirinto. Então, são 7 “labirintos” ambientados de acordo com cada filme. E lá dentro, a gente interage com aquilo que os filmes têm de mais assustador. Desde os cenários, os personagens e, porque não, os mortos. São minutos longos e intermináveis. Uma hora e meia na fila não é nada comparado a 5 minutinhos dentro dos mazes. Deem só uma olhada na entrada do Maze de “The Walking Dead” e sintam a tensão no ar.

E os detalhes de cada Maze? Como são?

Pois é. Nada de spoilers. Susto bem dado é aquele que vem do nada, sem que esteja esperando por ele. Só digo que consegui ir em 5 dos 7 mazes. Ficaram de fora The Exorcist e The Texas Chainsaw Massacre por causa das longas filas que pegamos. Os que mais gostei foram American Horror Story, Freddy vs Jason e The Walking Dead. Apesar que o The Walking Dead só foi assustador porque ainda não tinha estreado a 7ª temporada. Depois de ver o que o Negan fez no 1º episódio, passar por aqueles corredores apertados teria sido brincadeira de criança.

Maze The Walking Dead - Halloween Horror Nights

E não acabou. Ainda há mais duas atrações próprias do Halloween Horror Nights.

O Terror Tram é passeio guiado pelo Universal Studios Hollywood em uma espécie “trenzinho”, do estilo daqueles que nos leva aos estacionamentos da Disney. Porém, no meio do caminho as coisas saem um pouco do controle e o caos impera no restante do percurso. Com direito a palhaços assassinos, mortos-vivos e até o Norman Bates dando as caras. Sem contar que na hora que passamos na fila, ficamos assistindo alguns curtas de terror. E digo uma coisa: quem disse que o pessoal dali tem a mente mais doentia dos estúdios de terror não está mentindo. A prova são esses curtas. Haja mente insana para criar aquelas coisas.

A outra é o Jabbawockeez, um show musical que acontece algumas vezes durante a noite. Confesso que não estava com uma expectativa muito boa, mas no fim foi muito, muito legal. Primeiro porque serviu para quebrar a tensão do terror e pânico já instalado. Segundo porque trouxe uma mensagem muito interessante sobre como levamos nossas vidas no dia a dia. E terceiro, e não menos importante, é bem divertido, a gente ri um bocado. Sem sustos. Ufaaaa.

Jabbawockeez Universal Studios Halloween

Fora isso, algumas atrações normais do parque também ficam abertas para complementar a noite. Simpson’s Ride, Jurassic Park, Transformers, The Revenge of the Mummy são algumas delas. Mas não tivemos tempo nem de participar de todos os Mazes, quem diria ir em qualquer uma delas. Até porque todas são idênticas aos que já existem no Universal Studios Orlando, o qual já fomos duas vezes. Então, se quiser saber como é, só clicar aqui.

No fim, já mortos e assustados, passamos no Krusty Burger para repor as energias. E o mais engraçado é que os sustos oficiais já tinham terminado, pois já era mais de 2 da manhã. Mas, tinha uma senhora com uma risada tão sinistra lá dentro que, sinceramente, duvidei que ainda estava vivo e jurava que aquele som vinha do além.

Universal Studios Hollywood - Simpsons - Barney

É isso. Ano que vem espero estar em Orlando para curtir isso tudo de novo. E você, ficou com vontade? Espero que sim!

About Wesley Andrade

Viajante e escritor do blog Vividas Boas. Não perde a oportunidade de entrar em um avião para conhecer mais um pedaço desse mundo tão grande nessa vida tão curta. As estórias e as dicas acabam aparecendo aqui no blog entre uma viagem e outra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • dealform 728x90